O seu corpo está pedindo exercícios físicos?

O seu corpo está pedindo exercícios físicos?

Combater o sedentarismo é mais do que uma alternativa para definir os espetáculos ou afinar a cintura. Quando começa a praticar exercícios físicos, seu corpo fica mais protegido contra uma série de doenças, como hipertensão, diabetes e colesterol alto. “Consideramos que um paciente deixou de ser sedentário quando ele queima cerca de 2.500 quilocalorias por semana somente com a prática de exercícios”, afirma o fisiologista Raul Santo, professor da Faculdade São Judas Tadeu. Isso significa que o passeio pelo shopping, por exemplo, não entra na conta. “Para alcançar esse gasto, 45 minutos de treino moderado diário, cinco vezes por semana, é o suficiente”, diz. Mas antes mesmo de pegar a calculadora para descobrir se é hora de calçar o tênis, que tal prestar atenção no seu próprio corpo? Ele dá sinais de que precisa se mexer?

Como surgem as cãimbras?
Pela falta de exercícios físicos
As cãimbras aparecem, basicamente, em duas situações: quando faltam exercícios físicos ou quando o treino está além do que seu corpo aguenta. Elas se caracterizam por pequenas contrações involuntárias devido ao acúmulo de ácido lático nos músculos. Raul Santo explica que a atividade física na dose adequada ajuda a prevenir esse mal, mas a alimentação balanceada, com níveis adequados de potássio e sódio, também é fundamental para evitá-la.

Dores podem ser sinal de sedentarismo?
Sim, a fraqueza muscular causada pelo sedentarismo pode gerar dores
A dor ou o desconforto sem causa aparente podem indicar enfraquecimento muscular. Segundo a Organização Mundial de Saúde, 80% da população mundial sente dor lombar – e somente 2% dos diagnósticos incluem hérnia de disco. “A maioria dos casos é feito de músculos sem tônus, frágeis”, afirma o professor de Educação Física Carlos Henrique Sapucaia, instrutor de atividades físicas do SESC-São Paulo (Belenzinho).

É normal se cansar ao subir escadas, ladeiras ou andar mais que o normal?
Não, é um sinal de falta de preparo físico
A resistência cardiorrespiratória fica debilitada em quem não prática exercícios físicos. “É possível reconhecer esse despreparo ao sentir dificuldade de respirar ou não conseguir falar quando você faz um esforço maior do que o de costume” aponta o Carlos Sapucaia. A prática sistemática de exercícios físicos aumenta a capacidade cardiorrespiratória.

Fazer força para carregar para uma sacola mais pesada é sinal de sedentarismo?
Sim, se antes você a carregava com mais facilidade.
Após a terceira década de vida o corpo começa a sofrer osteopenia e sarcopenia, ou seja, o osso e os músculos passam a ficar mais frágeis. Exercícios físicos de fortalecimento, como a musculação, são necessários para retardar esse processo.

Baixa autoestima é sinal de que é hora de iniciar uma atividade física?
Sim, ela é o principal gerador de motivação nesses casos
A insatisfação ao olhar no espelho, ao não conseguir fechar um vestido que antes servia ou ao observar que a flacidez e a celulite aumentaram, costuma levar muita gente para a academia. Carlos Henrique explica que a motivação gerada pela insatisfação estética deve ser valorizada e ser vir como estímulo para os treinos.

Falta de disposição tem a ver com falta de exercícios físicos?
A inapetência, que é a vontade de não fazer nada e o cansaço constante, está muito relacionada à ausência de exercícios físicos. Raul Santo explica que esse é um dos sinais mais comuns do sedentarismo. Isso acontece por que a falta de exercícios físicos e do uso mais enérgico do corpo levam à letargia.

Dá para notar que o corpo precisa de treino nas atividades diárias?
Sim, dificuldade em subir escadas é um sinal do sedentarismo
Mudar o estilo de vida é essencial para qualquer pessoa que deseja sair do sedentarismo. Afinal, de nada adianta malhar por uma hora e no restante do dia ficar sentado no sofá comendo guloseimas. Raul Santo diz que subir escadas em vez de pegar o elevador ou parar o carro mais longe do trabalho para caminhar mais são práticas que ajudam a espantar o sedentarismo e também servem como indicadores para você descobrir se o treino está funcionando ou precisa ser dificultado.

Partiu se exercitar? Faça uma consulta com nossa nutricionista.
Atendimento Online: http://bit.ly/SiteGardenOuro

Fonte: minhavida.com.br

Deixe uma resposta